Posts from the ‘Rock’ Category

As pedras vão rolar

Depois de muito boato e sucessivos desmentidos, finalmente o sonho parece próximo. Os caras de Brown Sugar e Let it Bleed, vêm aí.

Dia 02 de março de 2016 é o dia da comunhão stones com Porto Alegre, encerrando a turnê brasileira que passa também por São Paulo e Rio.

A chamada do giro pela américa latina já é um aperitivo do que vai rolar por aqui.

Anúncios

A volta dos Urublues

Um projeto idealizado e concretizado pelo pesquisador Paulo Almeida está resgatando a história da cena roqueira de Jaraguá do Sul, cidade do norte catarinense que foi o ninho dos Urublues.

O projeto prevê a gravação de um documentário e a edição de um livro com a visão de quem protagonizou o movimento nos anos 80 e 90.

Esse foi o álibi que precisavam os integrantes da formação original para mais um (breve?) voo.

No link abaixo uma entrevista com o trio que formou a banda que contaria ainda com a qualidade musical do multi-instrumentista André Pereira e do endiabrado vocalista Blênio Canino.

Essa turma deve se reunir em 15 de novembro para uma aparição no show de encerramento do projeto.

Lisa

Lisa Kekaula é filha de mãe africana e pai havaiano. Há tempos percorre uma trajetória no caminho do rock, do soul e, porque não, do blues.
Lisa tem grande domínio de palco e a postura de uma autêntica blueswoman.
Depois de décadas na estrada, Kekaula e seu marido Robert Vennum, criaram em 2014 o projeto “Lisa and the Lips”.
No video abaixo, uma performance recente da banda.

Mick Jagger e os clássicos

Jagger reuniu um time de primeira os batizou como “the Devils”, escolheu um repertório de clássicos e vejam no que deu.
Quando o cara tem a manha, o resultado é sempre bom.

 

Advertência III

“Alguns dizem que ele é chato,
outros dizem que é banal.
Já o colocam em propaganda,
fundo de comercial.
Mas o bicho ainda entorta
a minha coluna cervical”
– Conselho de Raulzito para que se cuidem os que têm problemas de coluna

45 anos de um clássico

Há exatos 45 anos, em 22 de novembro de ’68 era lançado o Album que deveria ter se chamado “The Beatles”, mas ficou conhecido como o “Album Branco”.
Fundamental na formação de qualquer roqueiro e idolatrado pelos beatlemaníacos este disco é cercado por uma série de histórias.
O relacionamento do quarteto andava em crise. Diz-se que George, Paul e John pouco se encontraram no estúdio. Enquanto um gravava suas trilhas, os outros davam um tempo em outro lugar.
Foi pra dar uma amenizada no clima que George convidou um amigo para uma participação em uma das faixas. Este amigo era Eric Clapton e sua contribuição está nas guitarras de “While my guitar gently weeps”, pra muitos, a melhor faixa do album.

O que eles andaram falando sobre o blues IV

“No início, lá em 1955, quando ainda não conhecia o rock’n’roll, e todo aquele swing, o homem branco tinha apenas a emoção, o homem negro tinha o blues”

Angus Young

Quando perguntado o que tocava na guitarra quando não estava trabalhando (compondo ou ensaiando), o guitarrista endiabrado do AC/DC confessou: blues.